Inscreva-se !

Coloque seu e-mail aqui!:

Entregue por:FeedBurner/Cidadão Araçatuba

28 de nov de 2010

VENDO SIM!!!



Comércio aquecido, pessoal passeando no calçadão, muitas compras é ... estamos chegando ao final de ano. 

Ficamos emotivos, pensamos na vida, nos empanturramos de comida, compramos e damos presentes, pensamos na nossa religiosidade e por fim, não exatamente nessa ordem, lembramo-nos dos que já se foram.

É interessante porque a medida que envelhecemos, começamos a analisar o meio em que vivemos lembro-me dos meus 15 anos, onde ficávamos de olho nas meninas que de um dia para o outro saiam de seus casulos e transformavam-se em lindas princesas.

Depois começávamos a reparar nos amigos que pouco a pouco ficavam carecas, pois estavam inscritos para fazer o tiro de guerra, naqueles que cortavam a “juba” (que era como denominávamos os cabeludos!!), depois da fase "rebelde sem causa", naqueles que casavam, depois naqueles que tinham filhos, e finalmente começamos a prestar atenção naqueles que foram desta para uma melhor ??

Chicó lamenta a morte de João Grilo (Filme o Auto da Compadecida-Globo Filmes-2000. Após exclamações de tristeza, afirma:

- "Cumpriu sua sentença. Encontrou-se com o único mal irremediável, aquilo que é a marca do nosso estranho destino sobre a terra, aquele fato sem explicação que iguala tudo o que é vivo num só rebanho de condenados, porque tudo o que é vivo, morre."

O fato é que a existência humana é assim, uma caminhada rumo ao desconhecido,é procurar no escuro o que não sabemos bem o que é.

Acho que o fato de fazermos em algum tempo da nossa vida essa simples análise, denota que estamos mais maduros e portanto mais próximos o único mal irremediável

Envelhecer é um processo! 

Um processo degenerativo diria, onde a pele perde o vigor, os músculos enfraquecem-se e  a memória fica ruim, sua filha de quinze anos começa a ser "observada com mais atenção" por aquele filho do seu vizinho que até ontem brincava de bola na rua. 

Quando estamos prontos para o mundo? Nascemos apenas para aprender, aprendemos a medida que vivemos, logo o aprendizado é contínuo e quando achamos que acumulamos algum conhecimento, pronto... nossa vida simplesmente termina.

Essa seria a razão da vida? A morte? Não, acredito que não! A razão da vida, da existência é realmente aquilo que podemos entender como alicerce que fica sedimentado na vida daqueles que nos amam e que depois da nossa "ida", ficam mais um tempo nessa terra, nesse planeta.

Os pais tem a obrigação de deixar aos filhos essa base, esse alicerce. Hoje mesmo no calçadão de Araçatuba diante da multidão de pessoas desconhecidas, que despretensiosamente caminhavam, tive esse "inside", e pensei, vou fazer um post cabeça!

Mas caro leitor, ás vezes não temos a impressão de que nosso tempo nesta terra é extremamente curto?

O fato é que o calçadão continuará lotado, as pessoas continuarão a ficar emotivas em datas próximas ao fim-de-ano, e nós continuaremos a olhar para trás com saudosismo, paciência e com uma tremenda impressão de que algo ainda não está pronto, que algo poderia ter sido  melhorado, e de que a nossa missão não terminou até um dia que ...

Por isso digo sem medo de errar, vendo, mas vendo mesmo! Por enquanto né!



Link do vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=xZpMOcA_TX4 consultado em: 27/11/2010-20:24.



É "de esquerda" ser a favor do aborto e contra a pena de morte, enquanto direitistas defendem o direito do feto à vida, porque é sagrada, e o direito do Estado de matá-lo se ele der errado.  Luis Fernando Veríssimo

21 de nov de 2010


Quando terminei de ler as crônicas publicadas por Diogo Mainardi que viraram livro (Lula é minha Anta - 2007) achei que o escritor tinha sido uma pouco exagerado, aliás, reação normal de quem realmente não gosta do que vê.

Sempre gostei do estilo do Diogo, direto, clássico, cáustico, soberbo às vezes, mas acima de tudo realista, e se tem uma coisa de que o Brasil precisa é de realismo!

Constatei alguns anos depois que o substantivo Anta atribuído ao personagem principal do livro, cabia mais ao povo brasileiro, do que à figura política em questão (a que é citadas no livro).

Achei até que pelos escândalos do mensalão, dos sanguessugas, e das outras máfias em geral, nós teríamos discernimento e nessa eleição-2010 dariamos o troco a essa corja que se instalou na capital federal.

Qual foi a minha surpresa em 31/10!

No Brasil é assim, o político rouba, falsifica, desvia,corrompe, ou se deixa corromper, mas as verdadeiras antas são aqueles que obrigatoriamente participaram da votação, votando!

Como disse, gosto de ler e semanalmente leio as criticas publicadas pelo Diogo  na revista veja e na semana passada me deparei com duas muito boas,que denotam bem o espírito político do povo brasileiro (Borat Rousseff, e Agora Mozart).

Na primeira crítica, Diogo traça de forma clara e inequívoca como a desinformação é a alma do negócio, principalmente na política!

Nunca vi a máquina estatal tão equipada para eleger alguém como foi na campanha da presidente eleita. O garoto propaganda dela (Lula) superou e muito o ex-menino prodígio das Casas Bahia,(quer pagar quanto? Lembra!) mas ainda assim falta um pouco de talento, mas nada que meia dúzia de "bolsas" não compensem!

O Nosso presidente já pode até postular um novo cargo em Brasília, será o sempre-presente Presidente, dando palpites aqui, cochichando ali, NÃO SABENDO DE ALGO LÁ, coisas do tipo, que aliás - diga-se de passagem - ele é muito bom!.

Mais assustado ainda, fiquei quando vi a possível lista de ministros vejam:


A revista ISTOÉ, fez uma reportagem com os possíveis ministros do Governo Dilma se ela for eleita. Na foto ISTOÉ fez uma comparação retratando a Santa Ceia com os possíveis nomes para assumir as pastas ministerial.

Olhando o quadro dá até uma nostalgia! Aparentemente o Brasil de Lula era melhor!

Será que os escândalos que aconteceram com algumas personagens acima ainda não acabou? Seria um "remake", uma segunda parte, ou um "ghost", algo não resolvido em vidas passadas, ou realmente como povo não temos memória política?"

Conseguimos ser tão desleais assim com nosso país condenando-o há mais 4 anos de desmandos, falcatruas e afins?

 A garnde maioria ds obras prometidas pela então candidata, estão financeiramente ligadas ao pré sal, que bem sabemos demorará muito para ser comercializado, render divisas ao país, depende ainda de muito capital estrangeiro, pois não temos nem tecnologia e nem dinheiro suficiente para explorá-lo sozinho!

Ah mas é que isso não foi falado né!?

Não tem problema mesmo hoje já esquecemos as promessas e os anos vindouros pouco mudarão para nós povo trabalhador e esquecido, estou com o Diogo, vou juntar dinheiro e pretendo nos próximos anos comprar um TOTO para tentar melhorar as agruras de depender de políticos eleitos pela maioria, que infelizmente é esquecida!


Recebí por e-mail, além de sarcástica, denota o mau-humor do Brasileiro. Criativo!!!

14 de nov de 2010

Rotatória Eliezer



Eu fico impressionado com a capacidade ou a falta dela demonstrado pelo poder público.

Não que isso seja demonstrado de forma não contínua, muito pelo contrário o poder público tem essa notável capacidade!

Há muito tempo pleiteamos que seja feita uma rotatória decente na entrada do bairro Traitú, que pode ser acessado inclusive por quem vem pela rodovia Eliezer Montenegro Magalhães (SP 463), Araçatuba sentido Bilac (SP).

Pois bem, depois de muitas reclamações há duas semanas mais ou menos decidiram implantar obstáculos que limitariam a velocidade dos veículos que trafegam pela mesma, dando mais segurança a população do bairro.

Mas a bendita rotatória não saiu, a desculpa:

-Vão duplicá-la!  E quando isso acontecer a rotatória sairá do papel!

Bom, então devemos avisar a dona Morte para não continuar visitando aquele pedaço, não é!?

Torna-se extremamente complicado para os motoristas que pretendem entrar ao bairro quando estão dirigindo na mesma sentido Araçatuba/Bilac, cito algumas dificuldades:

1-Acostamento estreito, defeituoso e quebrado:





2-Grande volume de caminhões pesados que trafegam pelo local, rumo as usinas, (canavieiros, de carga seca, transportando máquinas pesadas, etc...)

3- Área de escape na terra, e quando chove, vira um atoleiro.




Não fosse tudo isso, só o fato de atravessar a rodovia, por si só já é uma manobra extremamente perigosa e arriscada, vejam vídeo do local:




O interessante é que há mais ou menos 500 m tem uma outra entrada só que para o bairro Claudionor Cinti, e essa sim foi bem feita, bem pensada, vejam:




Não entendo, a equipe que esteve no Traitú colocando os obstáculos era grande, porque não  fizeram algo como no Claudionor Cinti? Gente, pensar dói? 


Já tivemos vários acidentes no local, a rotatória já foi discutida em sessão da câmara, e nada foi feito, quando vão ao local dispõem-se a fazer obstáculos? Não resolve o problema, e tal duplicação só DEUS sabe quando sairá! 


É um descaso com a população do bairro, colocando vidas em perigo!










Blogueiros unidos participam e divulgam!

Blogueiros do Brasil
Cia dos Blogueiros

Clique, conheça nossa história.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores diHITT

Seguidores

Leve o Cidadão com você!


Total de visualizações desta página.

Plágio é crime! Quer copiar? Não custa nada pedir, obrigado!

IBSN: Internet Blog Serial Number 21-08-1966-11