Inscreva-se !

Coloque seu e-mail aqui!:

Entregue por:FeedBurner/Cidadão Araçatuba

20 de jun de 2010

Diga-me em quem tú votas e direi quem tu és...




Os exemplos de descalabro na nossa política em todos os níveis de governo faz com que a gente pense:

- Ou o povo brasileiro é masoquista, ou somos terrivelmente estúpidos.

Acredito que estúpidos não somos, pois defendo que o que falta em nosso povo é cultura, conscientização, atitude. Mas recentemente temos visto uma falta de respeito e porque não dizer um total descompromisso da classe política com a verdade e na tabela com os seus eleitores.

Dia 14/06 vimos vários deputados serem indagados pela repórter Mônica Iozzi sobre a assinatura que teriam colocado em uma P.E.C (Proposta de Emenda Constitucional) que acrescentaria à cesta básica do trabalhador brasileiro um litro de cachaça.

Apesar de absurdo, foi interessante, pois de todos os deputados mostrados apenas um não assinou pois teve a curiosidade de ler o que estava escrito esperamos que essa estatística se amplie quando da votação de Leis dentro da Câmara, pois se os 513 resolvem não ler...

É natural que no meio de tantos homens a testosterona reine absoluta, mas querer encobrir uma "pisada na bola" de ter assinado sem ler agredindo repórteres que são nosso olhos, nos parece muito estranho.


Ao deputado, ou melhor, à qualquer cidadão  cabe o direito de se defender de possíveis agressões em sua honra ou fisicamente, o meio será sempre o judiciário, não pega bem representantes do povo desrespeitar seus eleitores e a imagem da Câmara, que é ums instituição que congrega o estado democrático de direito agindo como acima foi claramente mostrado.

Sinceramente não aprovaria um representate meu, ou seja, em quem eu votei para me representar tivesse uma conduta como de alguns deputados.

Muito embora o valoroso povo do M.S (do qual faz parte o nobre deputado que ao final do vídeo manda a repóter Mônica Izzi se fu...) não tinha noção do "sem noção" que ajudaram a eleger, o bom é que a imprensa vem intensificando e denunciando os "nobres" políticos para que nós façamos uma "peneirada" nas eleições que se aproximam. A começar é claro pela Presidência da República, pense nisso!

6 de jun de 2010


Mais uma vez a gente enche o peito é diz: Sou brasileirooooo!


Pô gente, é tempo de copa do mundo! É tempo de vestir verde e amarelo! È nosso país lá fora mostrando como se joga futebol e isso enche a gente de orgulho...

Mas só temos orgulho do país quando há copa do mundo? Quando algum ginasta vence alguma prova importante, quando algum piloto vence?

Quando enaltecemos a grandeza dessa nação? Quando batemos no peito e dizemos aos estrangeiros que vem aqui de férias, e muitos deles vem (infelizmente) aproveitar nosso turismo sexual, e nós, de forma tão irresponsavelmente ainda permitimos, quando na verdade deveríamos nessa hora bater no peito, e dizer:

-Epa aqui não! Sou Brasileiro e não vou deixar você fazer isso, não na minha terra!

Temos uma enorme dificuldade em entender que pertencer à uma nação, é fazer parte dela, é defendê-la contra interesses escusos, preconceituosos, degradantes.

Não somos Brasileiros apenas na Copa do Mundo! Somos desde que nascemos, na verdade, desde que somos concebidos, tudo bem que como tal somos espoliados, afinal 148 dias do ano sào por nós "doados" ao nosso generoso e competente governo, patriótico nào?.

Além do que existem entre impostos, taxas e contribuições de toda a natureza e nas três esferas do governo,apenas 85 tipos!! Assustou?

-Ah ... então volte para novela, ou melhor para o jogo da seleção, mas lembre-se; estamos fallando do nosso país, da nossa nação!

Falta em nosso povo o entendimento de que o produto nacional é bom, porque a indústria nacional é boa, pois produz com matéria prima extraída aqui, com mão de obra de pessoas que vivem aqui, produzem e aqui trabalham, pare de elogiar e comprar produtos estrangeiros, que além de caros dão empregos em outra parte do planeta, gerando lá riqueza e desenvolvimento!

Temos que trazer em nossos corações que a pátria somos nós e que se nosso governo é corrupto, incompetente, ineficaz, se as políticas públicas são as piores e mais caras do mundo, tudo isso se deve a nossa falta de interesse, pois ainda permitimos que pessoas sem competências sejam eleitas para cargos importantes,  e são eles que conduzem o destino do país e na tabela caro leitor, o nosso também!

Seja Brasileiro, mas o seja todos os dias; quando alguém quiser lhe enganar; quando as autoridades forem omissas, quando algo for prometido em troca de votos; quando falarem mal na sua frente da sua nação, do seu povo, do seu país; quando alguma injustiça for cometida na sua frente!

Torça, vibre com a seleção, mas lembre-se ganhando ou perdendo o Brasil depende única e exclusivamente de nós e portanto só poderá ser melhor se nós formos melhores! 

Só mais uma coisa muito, mas muito interessante caro leitor (e contribuinte):

Às vésperas da Copa do Mundo da África do Sul, o presidente Lula decidiu propor ao Congresso que os jogadores brasileiros que conquistaram os três primeiros dos cinco títulos mundiais de futebol do país tenham o direito de receber um prêmio de R$ 100 mil e uma ajuda financeira todos os meses.

Pela proposta enviada ao Congresso nesta quinta-feira (13), o prêmio de R$ 100 mil será pago de uma vez só, ao jogador ou a um herdeiro legal, caso ele já tenha morrido. Já o auxílio especial será mensal e calculado sobre a renda do ex-atleta de modo a que ele tenha por mês pelo menos R$ 3.416,54, que é o valor máximo da aposentadoria da Previdência Social. O auxílio será estendido à esposa ou companheira dos ex-jogadores e filhos menores de 21 anos ou inválidos.

Leia aqui o documento na íntegra.

Para Lula, os vencedores das Copas de 1958 (Suécia), 1962 (Chile) e 1970 (México) são heróis nacionais e não merecem o desamparo em que alguns vivem. Ele encomendou em 2008, aos ministérios do Esporte e do Planejamento, um projeto de lei de ajuda aos campeões. Na ocasião do cinqüentenário da vitória brasileira na Suécia, constatou-se que alguns ex-atletas estavam em sérias dificuldades financeiras.

No evento de entrega de medalhas aos campeões de 1958, o presidente havia dito que “um país de 190 milhões não tem o direito de permitir que uns poucos que conseguiram enaltecer a alma da nossa gente ao mundo não mereçam o reconhecimento do Estado brasileiro”. Para ele, era necessário “criar uma aposentadoria para que esses cidadãos, que são a cara do Brasil que vence, possam viver mais dignamente ou pelo menos serem respeitados por nós”.
Fonte:http://blog.planalto.gov.br/jogadores-brasileiros-que-venceram-a-copa-do-mundo-devem-receber-premio-05/06/2010-15:49 hs.

Concordo senhor Presidente, pois a saúde nesse país é uma das melhores do mundo, não existe fome, os aposentados TODOS estão vivendo dignamente, o salário mínimo nacional é de US$ 1.500,00,  todo dinheiro arrecadado pelos entes públicos é muito bem aplicado, saneamento básico em todos os municípios do pais, educação entre as melhores do mundo, é pensando bem, tem dinheiro sobrando ... ah tá certo, viva a seleção!!!



Blogueiros unidos participam e divulgam!

Blogueiros do Brasil
Cia dos Blogueiros

Clique, conheça nossa história.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores diHITT

Seguidores

Leve o Cidadão com você!


Total de visualizações desta página.

Plágio é crime! Quer copiar? Não custa nada pedir, obrigado!

IBSN: Internet Blog Serial Number 21-08-1966-11